RContas 2015 - page 20

Demonstrações Financeiras
20
O setor do leite é cada vez mais um setor com um volume da faturação representativo
(aproximadamente 27,40%), face ao volume de negócios. Como podemos analisar, a margem
que se lhe associa é bastante reduzida.
ANÁLISE DO LEITE
VALOR (EUROS)
2012
2013
2014
2015
Variação
2012/2013
Variação
2013/2014
Variação
2014/2015
Oliveira do Bairro 1.193.603,89 1.136.923,19 1.089.401,62 902.128,70
-4,75% -4,18% -17,19%
Aveiro
1.245.491,67 1.168.035,96 1.225.208,82 1.155.989,91
-6,22% 4,89% -5,65%
Anadia
249.737,48
187.368,51
184.338,21 127.189,78
-24,97% -1,62% -31,00%
Vagos
20.225,24 951.993,59
4606,96%
Mira
428.140,36
Ilhavo
191.079,07
TOTAL
2.688.833,04 2.492.327,66 2.519.173,89 3.756.521,41
-7,31% 1,08% 49,12%
Os produtores em 2015 foram confrontados com a necessidade de diminuírem as produções
para as quais teriam capacidade e conseguiriam libertar margem. Contudo, esta diminuição é
necessária para garantir a continuidade do setor. Estas medidas são consequência de vários
fatores em que podemos destacar o fim das quotas em Março, globalização que permitiu a
oferta a Portugal do mesmo produto a preços mais reduzidos, o embargo Russo bem como a
mudança dos hábitos alimentares que se reduzem na diminuição de consumo de produtos
lácteos. O excesso de leite cru na indústria sem o escoamento correspondente conjugado com
os fatores acima mencionados, faz com que o preço pago à produção seja cada vez mais
baixo.
Como medida preventiva no segundo semestre de 2015 realizou-se uma ação que consistiu no
controlo do leite na produção tendo como consequência a aplicação de uma penalização no
Leite (Volume L)
Leite (Valor €)
1...,10,11,12,13,14,15,16,17,18,19 21,22,23,24,25,26,27,28,29,30,...80
Powered by FlippingBook